Participe neste blog...

...enviando a sua mensagem para aqui.

 

 

Últimas...

...notícias sobre FC Porto

...referências em blogs sobre FC Porto

Links

Posts recentes

Estou enojado

O nosso FC Porto

A Luz que inspira - JOÃO,...

PORTISTAS ... ESTA É À NO...

Vamos ao penta

Brevemente...

lucho

...

Calma

LOLOL

Carrega Por...

LUCHO GONZALEZ

Quais os melhores reforço...

ÁLVARO PEREIRA É REFORÇO ...

DOBRADINHA À MODA DO PORT...

DOBRADINHA À MODA DO PORT...

Encontre o seu par, avent...

TRISTE REALIDADE

coisas ridiculas

Tripas à Jesualdo

BETTENCOURT ELOGIA MODELO...

taça de portugal

BENFICA FAZ SIMULACRO

...

TETRACAMPEÃO

TETRACAMPEÃO

Dragao do tetra

FC PORTO - DEFESA MENOS B...

O TETRA ALI AO DOBRAR DA ...

mensagem

porto

calabote

TENHO ORGULHO DE SER PORT...

CELEBRAÇÃO PASCAL

UM PORTO DE HONRA

MST - 07ABR09

Orgulho de ser Portista!!...

ESTRELA DA AMADORA-BENFIC...

JUSTA HOMENAGEM

Tags

adepto

adeptos

adriaanse

adriaansen

apito dourado

benfica

benfiquista

boavista

campeao

campeoes

co adrianse

comunicado

demissão

diego

ditadura

dn

dragao

dragões

dragoes

f.c. porto

fcp

fcp. portista

fcporto

futebol

golos

hugo

jacobus treinador fcp

jaime pacheco

jesualdo

jesulado

lisboa

manuel josé

mourinho

mouros

pc

pinto costa

postiga

presidente

professor

rui barros

sad

seriedade

slb

sokota

super

timoneiro

treinador

treinadores

vale azevedo

viseu

todas as tags

Arquivos

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Subscrever feeds

blogs SAPO
Quinta-feira, 16 de Abril de 2009

calabote

em 1º lugar vejam os jornais da época e confiram o que lá está escrito, antes de criticarem e mandarem pedras para o ar quando têm telhados de vidro.

depois, façam sites e criem blogues com com calheiros, quinhentinhos, augusto duarte, viagens cosmos ao brasil, guarda abel, a puta que vai ao papa, etc,...
publicado por comunidade às 20:58
link do post | favorito
De Repórter X a 27 de Abril de 2009 às 12:20
Um convite inspirador

A mente humana não pára de surpreender: estava o Setúbal a fazer um jogo feio mas competente, enervando um FC Porto que tropeçava de passe errado em passe errado, quando Carlos Cardoso decidiu mexer. E o que fez ele? Substituiu Leandro Lima e Bruno Gama, os dois únicos jogadores que tinham dado provas de saber segurar e conduzir a bola; os únicos também que tinham criado embaraços reais à defesa portista. É conveniente explicar que os trocou por mais dois elementos defensivos, o que acabou por ser original. Ou melhor: um pecado original. Menos de quatro minutos depois, no meio da floresta de pernas em que se tinha transformado a defesa setubalense, e com alguma ironia, Lisandro encontrava o caminho da baliza. O Dragão respirava fundo e descarregava a pressão. A distância para o título encurtava-se à custa desse atalho e, pouco depois, o mesmo Lisandro trataria de arredondar a vantagem.

Até chegar a esses dez minutos fatais, há uma história de obstáculos para contar. Jesualdo resolveu como se esperava as ausências de Lucho e Hulk, mantendo Mariano no meio e plantando Farías na área. Surpreendeu apenas com Tomás Costa no lado direito da defesa, sem anular o essencial. Para que tudo desse certo, pedia-se mobilidade a Lisandro e disponibilidade a Meireles. Um e outro responderam bem, sobretudo na segunda parte. Antes, também eles bateram algumas vezes no muro que Carlos Cardoso ergueu, numa espécie de táctica da balança: os mais pesados estavam em campo. Auri, Robson, Anderson, Zoro ou Hugo. Todos centrais? Sim, mas espalhados pelo relvado. Muito músculo distribuído, barrando a entrada dos portistas na área. Exigia-se um FC Porto de passe curto, que esticasse o jogo para obrigar o Setúbal a abrir fendas na muralha. Em vez disso, as incursões de ataque afunilaram-se pelo meio, num erro estratégico complementado por outro: os passes desastrados. Incontáveis asneiras na matéria, que faziam o zero bater certo ao intervalo.

A segunda parte começou naquele convite de Cardoso que Lisandro soube capitalizar. Duas vezes. Um ponto final no jogo que, ainda assim, obriga a lançar algumas reticências: sem Lucho já se sabia que era difícil. Mariano emendou razoavelmente essa ausência, mas, conjugando-a com a de Hulk, percebeu-se que o FC Porto perdeu força e imprevisibilidade no ataque. Pior ainda: contra um Setúbal de aspirações limitadas, com dez elementos atrás da linha da bola, essa imprevisibilidade teria sido decisiva. Nesse contexto, a acção de Lisandro foi fundamental para abrir espaços ou para os inventar. Duas assistências argentinas - uma de Farías e outra de Mariano - e dois golos. Estava feito.




FC Porto 2-0 Setúbal
Estádio do Dragão

Relvado bom estado

34 602 espectadores

Árbitro Paulo Baptista (AF Portalegre)

Assistentes José Braga e Celso Pereira

4º árbitro Carlos Oliveira

-


FC Porto
Treinador Jesualdo Ferreira

1 Helton GR

20 Tomás Costa LD

14 Rolando DC

2 Bruno Alves DC

28 Cissokho LE

25 Fernando MD

11 Mariano MO

16 Raul Meireles MO 90'

9 Lisandro AD 88'

10 Rodríguez AE 85'

19 Farías AV

-

33 Nuno GR

13 Fucile LD

4 Stepanov DC

22 Madrid MD

6 Guarín MO 90'

17 Tarik AD 85'

29 Rabiola AV 88'

-

Golos [1-0] 62' Lisandro [2-0] 68' Lisandro

-

Amarelos | 72' Fernando, 90' Tarik

Vermelhos | Nada a assinalar




Setúbal
Treinador Carlos Cardoso

31 Kieszek GR

14 Janício LD

4 Robson DC

15 Auri DC

80 Anderson LE

3 Hugo MD

83 Zoro MD

16 Ricardo Chaves MO 71'

7 Bruno Gama AD 58'

20 Leandro Lima AE 58'

91 Leandro Carrijo AV

-

23 Bruno Vale GR

2 Michel LD 58' 3

11 Bruno Ribeiro LE 58'

13 Filipe Brigues MD

24 Regula MO 71'

9 Laionel AV

27 Moisés AV

-

Amarelos | 42' Auri, 65' Zoro, 67' Janício

Vermelhos | Nada a assinalar
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres