Participe neste blog...

...enviando a sua mensagem para aqui.

Últimas...

...notícias sobre FC Porto

...referências em blogs sobre FC Porto

Links

Posts recentes

Estou enojado

O nosso FC Porto

A Luz que inspira - JOÃO,...

PORTISTAS ... ESTA É À NO...

Vamos ao penta

Brevemente...

lucho

...

Calma

LOLOL

Carrega Por...

LUCHO GONZALEZ

Quais os melhores reforço...

ÁLVARO PEREIRA É REFORÇO ...

DOBRADINHA À MODA DO PORT...

DOBRADINHA À MODA DO PORT...

Encontre o seu par, avent...

TRISTE REALIDADE

coisas ridiculas

Tripas à Jesualdo

BETTENCOURT ELOGIA MODELO...

taça de portugal

BENFICA FAZ SIMULACRO

...

TETRACAMPEÃO

TETRACAMPEÃO

Dragao do tetra

FC PORTO - DEFESA MENOS B...

O TETRA ALI AO DOBRAR DA ...

mensagem

porto

calabote

TENHO ORGULHO DE SER PORT...

CELEBRAÇÃO PASCAL

UM PORTO DE HONRA

MST - 07ABR09

Orgulho de ser Portista!!...

ESTRELA DA AMADORA-BENFIC...

JUSTA HOMENAGEM

Tags

adepto

adeptos

adriaanse

adriaansen

apito dourado

benfica

benfiquista

boavista

campeao

campeoes

co adrianse

comunicado

demissão

diego

ditadura

dn

dragao

dragões

dragoes

f.c. porto

fcp

fcp. portista

fcporto

futebol

golos

hugo

jacobus treinador fcp

jaime pacheco

jesualdo

jesulado

lisboa

manuel josé

mourinho

mouros

pc

pinto costa

postiga

presidente

professor

rui barros

sad

seriedade

slb

sokota

super

timoneiro

treinador

treinadores

vale azevedo

viseu

todas as tags

Arquivos

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Subscrever feeds

blogs SAPO
Quinta-feira, 6 de Novembro de 2008

... SENHORES DE SI ...

image01.gif


Ivan
publicado por comunidade às 10:52
link do post | comentar | favorito
90 comentários:
De Anónimo a 7 de Novembro de 2008 às 16:13
Comentário apagado.
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 16:41
A única diferença é que as escutas ao PC existiram mesmo e até foram "confirmadas" pelo mesmo de diversas formas e as escutas ao LFV não passam de "ouvir que disse de alguém que conhece o primo do porteiro da P.J." e ainda não ouvi ninguém credível se referir a elas. Aliás, nem consta que algum dia o LFV tenha sido ouvido pela PJ acerca do caso.

É a diferença. O FCP tem um presidente que confirmou que disse o que "aparece" nas escutas (independentemente de serem ou não escutas válidas porque isso é só treta jurídica) e as escutas ao LFV são o que são... tretas (a "escuta" estre o LFV e o Valentim é, então, claramente mentira).
De MOCA a 7 de Novembro de 2008 às 16:56
PRONTO, ESTÁ BEM, ESTÁ BEM, EU COMPREENDO A VOSSA PREOCUPAÇÃO... ...E AÍNDA A PROCISSÃO VAI NO ADRO...

BOM, ENQUANTO COMEÇA O VOSSO CALVÁRIO, EU BEBO UMAS EM HONRA DOS PORTISTAS E DESPORTISTAS !
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 17:15
Preocupação sim, resta saber de quem...

É ou não verdade que as escutas ao PC existiram e que ele disse o que disse? O próprio confirmou ou não, coisas que foram ouvidas nas escutas como a célebre "recepção" na Madalena? Alguém nega isso? Ou vão continuar a refugiar-se na "validade" das escutas para fins legais?
É ou não verdade que as tais escutas ao LFV nunca o levaram à P.J.? Se não, porquê?

Não se esqueçam que fins legais é uma coisa e conclusões morais são outra. Já sei, quando se referia a fruta ele estava mesmo a falar de melões e maçãs, pois...

Até o "ferranhismo" tem limites. Nunca ouvi nenhum portista referir-se à veracidade das escutas ao PC. Elas existiram ou não? O que foi tornado público corresponde à verdade ou não? Qual a opinião dos portistas sobre estas questões? Gostaria de saber, igualmente, se concordam que o vosso presidente faça isso.

P.S. Não sou adepto da chamada "música ligeira".
De MOCA a 7 de Novembro de 2008 às 17:23
PREOCUPAÇÃO NOSSA NÃO É DE CERTEZA...

ALGUNS VERMELHOS ATIRARAM O BOOMERANG...


...PSIIIUUUU, JÁ DEU A CURVA E VAI TER CONVOSCO...

E MAIS UMAS CERVEJOLAS, CARAGO !!!
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 17:42
Ficámos todos a saber o mesmo... nada. Respostas, népias.

E quanto ao resto? Não tens opinião? Logo tu? Sem opinião?

O.K. Bom fds pra todos e segunda falamos (depois do jogo taça que o SCP vai ganhar contra o... quem é mesmo?).

Tchau benfiquistas e oitavos classificados.
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 17:46
Ó Moca, fui ver aos catrapázios e confirmei que a forma do objecto não se coaduna com um boomerang. É mais um objecto em forma de torpedo... barco azul às riscas brancas ao fundo. GLUGLUGLU...
De MOCA a 7 de Novembro de 2008 às 17:52
A SÉRIO PÁ ? JURAS ???

ENTÃO DEPOIS DOS VERMELHOS LEVAREM NO TOUTIÇO QUERO VER SE TENS TOMAT. PARA VIR AQUI DAR A CARA !

CÁ TE ESPERO Ó HOMEM DOS CATRAPÁZIOS


OLHA, FUI MIJAR !
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 17:59
Mas não há por aí nenhum portista com tom. que me responda? O silêncio é elucidativo, deixem lá... eu percebo a vossa posição "periclitante".
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:11
'periclitante'?!
Diz lá! Qual é a questão?
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 18:26
Vide em cima, sff.
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 19:50
Estás a falar da questão das escutas?
Ok...
Nunca escondi que não sou 'anjinho', ao ponto de pensar que todos os dirigentes são 'meninos de coro'.
No entanto, e cingindo-me à tua questão, o que sei é que, em termos de conteúdo, o mesmo só foi descodificado após a 'excelsa' colaboração da Carolina... Interessante, não é?!
Agora, se avaliares a credibilidade da pessoa em causa e o contexto em que todo esse episódio surgiu, eu e todos os portistas temos a legitimidade para duvidar do que foi propagado por aí. Ou seja, a 'tradução', a nosso ver, é duvidosa!
Sabes...a língua portuguesa, como alguém já aqui tem dito e muito bem, é muito rica e, por isso mesmo, as palavras poderão assumir o sentido que o autor (ou interlocutor) quiser dar.
Nada do que ouves (ou melhor, do que viste publicado) te levaria a concluir o que quer que fosse, uma vez que as frases são demasiado vagas e existem muitas lacunas...que, em nada, te ajudam a percepcionar qual a intenção.
Mais. Salvo erro (segundo me recordo), não há uma referência explícita a alguém ou a algo. Correcto?!
Agora, por comparação, vê o exemplo do que se passa com as escutas do Valentim em conversa com o Vieira. Repara nas diferenças!
Como vês, não se trata de tentar escamotear a verdade ou de evitar o assunto. Mas se quiserem falar de escutas, terão de o fazer na base da igualdade de critérios.
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 17:22
Se queres mesmo o Magellen podes sempre tentar inscrever um ciganito no E-escolinha e depois dar-lhe os 30 euros do preço do mesmo. O Gajo nem sequer tem onde carregar a bateria do "tareco".

Free of charge.
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:12
E é como dizes! Ainda a procissão vai no adro...
De DIA DE S. BRUNO ALVES a 7 de Novembro de 2008 às 23:17
ENTÃO DISSERAM NA BOLA BRANCA QUE O BRUNO ALVES QUER IR EMBORA DE PORTUGAL, PORQUE NÃO AGUENTA TANTA FALAÇÃO SOBRE ELE?
E DIZ MAIS, DIZ QUE O BENFICA TUDO FAZ PARA ISSO.
CARAMBA, O BENFICA É ASSIM TÃO POSSANTE?
MENTIROSA SOU EU...E NÃO MINTO TANTO !!!

MAS UM BOM ATLETA TEM QUE ESTAR PREPARADO PARA OS BONS E MAUS MOMENTOS!

AH, ELE PENSA QE ESTAR NO FCP ERAM TUDO ROSAS?

E O C. RODRIGUEZ, JÁ DEVE ESTAR ARREPENDIDO....!

PRECIPITAM-SE E DEPOIS ARREPENDEM-SE.
DEVIAM PENSAR BEM, ANTES DE FAZEREM AS ASNEIRAS.

GRANDE BENFICA.....

Maria Elizabeth
De FCP-Viseu a 7 de Novembro de 2008 às 23:42
Pai de Bruno Alves sobre as críticas ao filho

"Só falta o nariz vermelho e a lona para ser um circo"

Washington Alves falou para a Rádio Renascença, onde mostrou estar muito desagradado com as constantes críticas ao seu filho (e de quem também é empresário), Bruno Alves, do FC Porto.

Admitiu que o central está saturado com tantas críticas, e apontou a saída de Portugal como consequência disso. Além disso, questionou as intenções do Benfica e “provocou” os críticos numa comparação com Liedson.

“O Bruno poderá mudar de país, mas dificilmente a forma de jogar”, começou por dizer.

E continuou: “Assim é difícil. Em Portugal é considerado violento, maldoso, faltoso, o que ele não é”.

Segundo Washington Alves, é natural que o filho se sinta saturado, “por não ser apoiado”. “Não dar o que merece e tirar o que ele tem, eu não aceito”, sustentou.

Mudando de alvo, desta feita para o clube da Luz, o pai e empresário de Bruno Alves duvidou das intenções “do porta-voz do Benfica” quando levantou a questão de um sumaríssimo e disse que “por este andar da carruagem, só falta o nariz vermelho e a lona para ser um circo”.

Por último, o Sporting… ou mais concretamente, Liedson, deixando uma certeza sobre ele e o central do FC Porto: “O Bruno fará seguramente menos faltas do que o Liedson poderá fazer sobre ele”.

Zé do Fontelo
De SOBRE BRUNO ALVES a 8 de Novembro de 2008 às 18:51
FCP ------DE VISEU

TEM A CERTEZA QUE É ESSE O MOTIVO POR QUE ELE QUER IR EMBORA?
EU SOU BENFIQUISTA E A MINHA OPINIÃO PODE SER DUVIDOSA, MAS NÃO TINHA A CERTEZA DE QUE ERA ESSE O MOTIVO POR QUE ELE QUER SAIR.
JÁ SE FALOU NA IDA DELE PARA FORA, APROXIMA-SE JANEIRO, E JOGAR LÁ FORA NUM GRANDE, NÃO É O MESMO QUE JOGAR NUM DOS 3 GRANDES DE PORTUGAL, POR MUITO AMOR QUE TENHAM À CAMISOLA, E POR MUITO GRANDE QUE ELE ACHE O ...FCP.
JÁ LEU HOJE NO JORNAL, A OPINIÃO DO JORGE COSTA? ESSE SIM, ( GRANDE PORTISTA ), EMBORA EU NÃO GOSTASSE DELE. POIS É....EU É QUE DEVO TER RAZÃO.
MAS ATENÇÃO EU PENSO O MESMO EM RELAÇÃO A TODOS OS CLUBES, NÃO É SÓ SOBRE O FCP.
POR EXEMPLO NO MEU CLUBE, O KATSOURANIS E O LUISÃO QUERIAM SAIR NO VERÃO. NA MINHA OPINIÃO DEVIAM TER SAÍDO. SÓ FAZ FALTA QUEM ESTÁ. E MAIS, ACHO QUE DEVEM IR EMBORA EM JANEIRO. POR MIM, NÃO FICAVA COM ELES, AINDA POR CIMA, ELES NÃO ESTÃO SEQUER A JOGAR NADA.

NÃO TENHA ILUSÕES. O PAI, QUE É AGENTE DO FILHO, JÁ VIU ALI UMA MINA P/GANHAR DINHEIRO, E MAIS NADA!!!

Maria Elizabeth
De Luandense a 7 de Novembro de 2008 às 10:52
CAMIONISTAS FARDADOS

Artigo de Manuel António Pina

As arruaças dos camionistas parecem ter feito escola. Agora é a tropa, com generais como Loureiro dos Santos e Garcia Leandro a chantagearem o Estado com eventuais "disparates" de oficiais "mais corajosos, destemidos e talvez menos prudentes", e Vasco Lourenço a avisar: "Não provoquem as pessoas…" e a sugerir que, se estivéssemos nos anos 60, estariam criadas condições para um golpe de Estado. Isto porque parece que um coronel ganha metade do que ganha um juiz de círculo e porque os militares não têm um sistema de saúde decente.

O problema é que, contrariamente aos outros portugueses que ganham mal e não têm sistemas de saúde decentes, os militares possuem armas e, aparentemente, os "mais corajosos e destemidos" estarão dispostos a usá-las em proveito próprio.

Em Dezembro, a Costa Rica comemora 60 anos sem Exército e sem ameaças de golpes de Estado. Os milhões assim poupados foram para obras sociais, saúde e educação, e a Costa Rica é hoje um país pacífico e um dos mais desenvolvidos da América Latina. Talvez seja altura de também nós repensarmos para que precisamos hoje de Forças Armadas.
==========================
Foi esta gente que um dia, como ‘eles dizem’, fizemos o 25 de Abril.

Gostava de os ver, terem tanta força, quando temos primeiros-ministros que fazem uma festa quando sobem o salário mínimo para uns míseros 450€ por mês, quando temos oposições e patrões que mesmo assim criticam esses aumentos, de filhos da p..., que dão cabo de bancos e andam por aí como se nada fosse, de governadores de bancos que ganham apenas 17000€ por mês (ver salário mínimo!!!) e não sabem de nada, etc, etc ...

A única coisa que sei, é que 'os outros desgraçados dos trabalhadores', trabalham todos os dias (e eu fora do meu país), para sustentar este bando de parasitas.

Saudações e com muitas Cucas.

Luandense
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 12:34
Acerca do artigo só um pequeno "pormaior"... Quando nos referirmos à Costa Rica como o exemplo de país sem exército, onde as coisas até correm bem, em prol do argumento da não necessidade da existência de um exército regular em Portugal, é necessário ter em atenção que a Costa Rica é, na prática, um protectorado Norte Americano e que são os "States", por intermédio de acordos bilaterais, que garantem a Paz e segurança da Costa Rica contra eventuais ataques externos e de que o patrulhamento das Águas Territoriais Costa Riquenhas é assegurado pela marinha americana.

Foi apenas uma chamada de atenção... não sou militarista mas tenho de admitir a importância da existência de um exército em Portugal nem que seja como símbolo da nacionalidade e da independência.
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:15
Vou-te contrariar!
Então, como justificas a posição da Suíça, relativamente a esse 'símbolo', como dizes?
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:18
Calma... Se me deres o exemplo da Guarda Suíça no Vaticano, esse argumento não conta, por razões que penso que são óbvias!
De Anónimo a 7 de Novembro de 2008 às 18:37
Qual é a posição da Suíça relativamente a esse símbolo?

Que eu saiba a Suíça tem, em percentagem, um dos maiores exércitos do mundo. Não é "regular" mas é "efectivo", como sabes.
Todos os suiços até aos 35 anos (penso) têm de estar preparados para entrar imediatamente em guerra e têm, de x em x anos (5, acho) de participar, durante um mês, em exercícios militares. Queres mais "exército" que isso?

P.S. E todos têm as armas de calibre de guerra em casa para o tal propósito de entrada imediata em acção. A situação é completamente dissemelhante da situação Costa Riquenha mas a Suíça tem um exército (não é é "regular"; é uma espécie de Guarda Nacional à la mode dos States).
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 19:34
Não é 'regular', mas é 'efectivo'...
A questão é simples: uma nação como a Suíça, independente e uma das mais ricas da Europa, não tem um exército, nos moldes em que o conhecemos na maioria dos países.
O que dizes é verdade. De facto, os homens estão preparados para agir, caso aconteça algo que justifique uma intervenção a nível 'militar', ou seja, uma acção que tenha em vista a protecção e defesa do país. Mas não podes considerar estes homens como uma força militar ou um exército, no sentido literal do termo.
Curiosamente, alguns entendidos utilizam este exemplo (da Suíça), para justificar que uma nação não precisa de um exército permanente para defender os seus limites. A nação, por si própria, consegue controlar o seu território e proteger o mesmo de ameaças externas.

P.S. Uma nota: acreditas que homens que não estão habituados, nas suas rotinas, a pegar em armas ou que não têm treinos regulares (em diversas 'disciplinas', não só no manuseio de armas) serão tão ou mais capazes do que aqueles que fazem dessa vida a sua actividade diária?!
Sabes bem que não!
Há coisas que não se esquecem, mas a prática é tudo!
Dou-te um exemplo: um bom 'sniper' só o é, verdadeiramente, com o tempo e com a experiência. Pode ser um indivíduo com determinadas características (em termos de reflexos, de controle do seu corpo - respiração, por exemplo - e da sua mente - frieza e uma calma extrema), mas é com a experiência que ele vai adquirindo que vai aperfeiçoando as suas qualidades e as suas potencialidades.
Agora aplica este raciocínio ao que estamos a dizer...
O que se passa é que a Suíça não constitui uma ameaça para ninguém e não faz sentido algum, para outra nação, subjugar o seu território, numa tentativa de dominação.
Não havendo esse receio, não há necessidade de haver um exército. Mais. As próprias características da região é que seriam o verdadeiro obstáculo a um qualquer 'inimigo'.
Quanto ao que se passa na Costa Rica, tens de ver que a realidade poderá estar relacionada com o próprio percurso histórico do país. Mas mesmo assim, o modelo que existe é diferente, a meu ver, do dos EUA.
Lembra-te que a realidade deste último é das mais violentas a nível mundial.
De qualquer forma, eu percebi o que querias dizer!
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 19:36
Depois...uma pequena provocação...
O exército não é um símbolo nacional.
A bandeira, o hino...isso, sim, são símbolos nacionais!
De Pavas a 8 de Novembro de 2008 às 01:50
Sim, sim tens razão, é óbvio que usei mal o termo. O termo correcto seria "garante" e não símbolo.

Quanto à necessidade ou não de um exército mantenho tudo o que disse.. Não contra este ou aquele país, mas o exército (até como instituição que "representa" um importante legado, quer se queira, quer não) é um garante de uma certa "continuidade" no nosso património colectivo. Faz "parte de nós" como nação... é difícil de explicar... é quase como a língua... sem ela não seríamos nós. O "nosso" exército é nosso e é um legado deixado por outros e, ainda mais importante, é como as cábulas: mais vale ter e não precisar do que precisar e não ter.

Mas repito, não sou militarista... sou patrióta (não confundir com outros quase sinónimos).

Quanto à tua explicação sobre as escutas deixa que te diga que não convence ninguém... essa de que foi a Creolina que "traduziu" as escutas é muito rota e passa um atestado de estupidez a tudo o que são magistrados do MP deste país. Então ninguém tinha "atingido" o significado das conversas até que Deus enviou aos magistrados ou aos inspectores da PJ a Creolina, valha-nos santa c.
Se as conversas são vagas ou não, não sei porque nunca as ouvi (e presumo que tu também não) e apenas me posso basear no que leio e no que foi confirmado pelo próprio (pelos vistos a "tradução" foi bem feita).

P.S. Desde quando é que os portistas detestam tanto a "creolina"? Esse sentimento começou antes ou depois dela ter ido para a bancado dos SD insultar os jogadores e os adeptos do SLB? Ou terá sido antes dela ter servido de colchão ao PC e de se ter declarado portista? Vocês não se tratam muito bem uns aos outros ou estarei enganado?
P.S.2 Quanto às escutas em que o LFV é apanhado a escolher um árbitro para um jogo da taça (que o Valentim não podia escolher porque estava fora da sua alçada, mas pronto) diz-me só uma coisa. Quem deixou "escapar" isso cá para fora e que provas alguém já viu ou que testemunhas de que essas escutas existem alguém já ouviu? Não estou, longe disso, a dizer que o LFV é um santo, mas daí a dizer, só de ouvir outros dizerem, que tentou "comprar" uma escolha de um árbitro, vai um passo de Golias. E não nos podemos esquecer que o LFV nunca foi, que se saiba uma vez mais, chamado à PJ sobre essas escutas... O gajos da PJ devem ser todos benfiquistas... até mesmo os do comando do Porto que, supostamente, deram origem às escutas. É "forçadinho", penso eu de que, mas vamos ver onde acaba... se acabar mal cá estarei eu para "dar a mão à palmatória" (para responder ao Moca).

Já aqui disse uma vez... Ao contrário da maioria, se o presidente do meu clube for condenado por manigâncias ligadas à bola eu "assino" por baixo a sua condenação. Mai nada. Gatunos rua. Eis porque gosto tanto do PC.
De P/PAVAS a 8 de Novembro de 2008 às 18:55
PAVAS

ASSINO POR BAIXO

Maria Elizabeth
De Santa Ignorância a 8 de Novembro de 2008 às 20:08
Só tentas atirar areia para os olhos. Então não viste o programa na TV em que o LFV afirma, depois da jornalista lhe ter dito que ele também foi apanhado em escutas, que tem orgulho nas suas escutas.
Com toda a certeza que deves de estar esquecido da afirmação, e isto foi em directo e não com escutas, "Não é preciso ter uma boa equipa, é preciso ter as pessoas nos lugares certos".
Memória curta Pavinhas.

Jack the Fucker
De Pavas a 8 de Novembro de 2008 às 20:35
Quanto a essa entrevista só posso dizer a verdade... não vi... mas se o LFV disse que tinha orgulho na "tal" escuta, disse merda... e da grossa.
Eu já disse inúmeras vezes que se ele for culpado de algum cambalacho deve ser corrido do futebol, mas aplico isso a todos os dirigentes, árbitros e outros que mais, enquanto que nunca ouvi UM SÓ portista dizer o mesmo... é a diferença (também acho que nunca ouvi nenhum benfiquista dizer o mesmo, mas eu sou eu e não devo ser "normal").

Quanto à frase "Não é preciso ter uma boa equipa, é preciso ter as pessoas nos lugares certos", que não sei se foi dita na tal entrevista ou noutro lado qualquer, penso que aqui ninguém discute que foi a filosofia usada por alguns (não digo quem mas é óbvio) durante muito tempo, ainda antes do LFV ser presidente do meu clube, certo? Ou será preciso lembrar aqui quem foi o primeiro presidente da liga de clubes?

Só mais uma coisa... Quem é que acha que durante anos não era prática corrente TODOS os responsáveis de clubes (inclusivé o PC) fazerem o que supostamente fez o LFV? Não estou a defender o homem, apenas estou a dizer que TODOS o faziam... e faziam mal.

Mas o meu "problema" com o PC não se resume ao "forcing" para escolher este ou aquele árbitro para determinado jogo, dado que todos o faziam (ou ainda fazem, sei lá)... tem a ver com o "resto"... A "fruta para dormir", os "rebuçadinhos", o "café com leite", as viagens ao Brasil pagas pelo FCP por "engano", a chantagem absurda com a FPF no caso do Deco via Sr. Tavares, o facto de ter como vice um senhor ligado às casas de alterne (com que fim?), etc, etc...

Isso da pressão são Peanuts e até nós os adeptos o fazemos (claro que no caso dos dirigentes é diferente).

P.S. Ao menos nestes post recentes não ouve insultos... já não é mau.
De Dark a 9 de Novembro de 2008 às 00:03
Ainda te vou dizer mais uma coisa.
Sabes quem acho que é o verdadeiro mafioso do futebol? O Valentim! Esse, sim, é um autêntico 'Al Capone'!
O resto pensa e descodifica...
De Dark a 9 de Novembro de 2008 às 00:00
Percebo o que queres dizer, muito embora, entenda que esse 'modelo' não se aplica ao nosso país.
Dada a nossa realidade actual, teres um exército ou não, é, precisamente, a mesma coisa! E, repara que digo isto de fonte segura! Mas não vou entrar em pormenores...
Longe vão os tempos em que quem ia para as forças armadas ia com um espírito de missão e com o orgulho de servir a Nação.
Mas entendi o que querias dizer!

Quanto à questão das escutas, eu referi que não conheço as mesmas, a não ser através da transcrição que foi divulgada e publicada pelos jornais, na altura.
Depois, não tentes ludibriar o que foi dito... Eu disse que só depois do depoimento da Carolina é que se passou a compreender o 'suposto' sentido ou significado daquele 'diálogo'. Mais. Não se trata de colocar em causa o conjunto dos magistrados, mas sim de uma equipa liderada pela Drª Maria Morgado que, por coincidência é casada com Saldanha Sanchez...que, por coincidência (a vida é feita de coincidências, não é?!) faz parte do Conselho Fiscal do benfica, salvo erro...
Ora, perante tamanhas coincidências, sabendo que tinha entrado a personagem da 'carolina' e conhecendo o interesse do benfica neste assunto (que deu origem ao 'Apito Dourado'), consegues explicar o que é que está errado nesta 'equação'?!
Pavas...muito sinceramente...eu disse no outro comentário que não era 'anjinho' e, como tal, tenho noção da promiscuidade que existe entre o futebol e o poder, a política, etc, etc...
Mas, por outro lado, a terem de fazer acusações, que o façam com verdades e com provas e não com campanhas difamatórias, com espectáculos e 'linchamentos públicos', onde até um livro e um filme serviram para 'alimentar' 6 milhões de crentes.
Em relação às escutas do Valentim e do Vieira, o Jack já te respondeu. Quem confessa, publicamente, que o maior objectivo do clube era garantir certos lugares, em determinado organismo, em detrimento de (reforçar) uma equipa, nem merece a pena dizer mais nada.
Depois, a interpretação que fazes do conteúdo da tal conversa entre o Valentim e o Vieira é, no mínimo, interessante... Por um lado, aceitas como óbvia a 'tradução' da carolina, mas questionas o teor da conversa dos dois elementos que referi e equacionas a hipótese de a PJ ser facciosa ou negligente?
Pavas... por muito que quisesse, sei que dificilmente conseguiremos chegar a um entendimento. Tu irás sempre desculpar o teu lado e nunca vais admitir que fomos alvo de uma campanha vexatória e criminosa por parte de alguns elementos do vosso clube.
Se no meu (clube) são todos uns santos? Não, sei bem que não é verdade. Mas nunca nos servimos de expedientes e de golpes baixos para tirarmos benefícios sobre o adversário ou adversários!
Se discordas, dá-me um simples exemplo em que me proves o contrário!

E explica melhor essa de gostares de PC...Fiquei intrigado!


De Anónimo a 10 de Novembro de 2008 às 13:59
Comentário apagado.
De Dark a 11 de Novembro de 2008 às 13:21
De GUARDA SUÍÇA a 9 de Novembro de 2008 às 12:53
GENTE:

NÃO ME FALEM EM GUARDA SUIÇA. FUI AO CONCURSO DO MALATO.."".UM CONTRA TODOS."".
ERAM 15 PERGUNTAS E FALHEI A 14.
ISTO TALVEZ AÍ À 4 ANOS
A PERGUNTA ERA : QUAL A NACIONALIDADE DOS GUARDAS DO VATICANO?
RESPOSTA...ESPANHÓIS
SUÍCOS
OU...........ITALIANOS . SINCERAMENTE EU NÃO SABIA, MAS COMO ITALIANO ERA TÃO OBVIO, RESPONDI ESPANHÓIS. FUI ELIMINADA...ERAM SUÍÇOS.....!
DEPOIS CÁ FORA PERGUNTEI A VÁRIAS PESSOAS, E QUASE TODA A GENTE RESPONDIA ITALIANOS. FIQUEI SATISFEITA. AFINAL NÃO ERA SÓ EU QUE NÃO SABIA.
MAS TAMBÉM HAVIA QUEM SOUBESSE, CLARO.
NUNCA MAIS ME VOU ESQUECER, E SEGUNDO JÁ LI, ATÉ SÃO MUITO BEM TREINADOS......
PORQUÊ ? O VATICANO, NÃO É ONDE REINA A PAZ E DEMOCRACIA? PARA QUÊ TANTA GUARDA?
ELES LÁ SABEM PORQUÊ !!!!!!!

ME
De Pavas a 9 de Novembro de 2008 às 19:01
Cara ME, com que então anda praí a mostrar-se nos concursos da TV, ein? Então quer dizer que provavelmente até já lhe vi a "tabuleta", né? Como sou fâ do Malato vou rever todas as cassetes VHS que gravei ao longo destes anos com os concursos do "alentejano" para ver se lhe "descubro" a identidade... Estou a gozar, claro, porque eu gosto mesmo é da Tanocas, eh, eh.

Quanto aos Guardas Suíços do mais pequeno estado do mundo, deixe lá isso, porque não tem importânc... COM QUE ENTÃO NÃO SABIA A NACIONALIDADE DOS GUARDAS DO VATICANO, EIN? ESTÁ JÁ A FAZER 20 FLEXÕES, Ó CADETE (esta última parte soa-me estranha... algo sportingista, não sei).

P.S. Tanto quanto sei é por uma questão de prestígio que a Suíça mantém guardas da sua nacionalidade ao serviço do Vaticano. Se bem me lembro do que li, aquando da formação formal do estado, foram vários os países que se ofereceram para "protegerem" o Papa tendo sido escolhida a Suíça por causa da sua ancestral neutralidade e por causa da preparação dos seus homens (os tais que não têm exército, né?).
Quanto à necessidade ou não do Vaticano ter "Guardas" a resposta vai parcialmente entroncar nas razões que esplanei nos posts anteriores e que podem ser sintetizadas no seguinte adágio "mais vale ter e não precisar do que precisar e não ter" e ainda temos os terroristas e os malucos, como no caso do Turco que disparou sobre o João Paulo II, por exemplo, em plena Praça de S. Pedro. Como vê há muitas ameaças por aí... nem todas são muito óbvios ou "visíveis" mas existem. ELES ANDEM AÍ.

Sporting -1, Porto -1, é o meu vaticínio para o resultado do jogo de mais logo. E os dois vão à vida, tau...

Bye.
De Dark a 9 de Novembro de 2008 às 20:21
Estás certo em tudo o que dizes, com excepção do pormenor em que afirmas que "mais vale ter e não precisar do que precisar e não ter"... Nada disso!
O Vaticano, por razões óbvias, representa uma ameaça para muitas nações e estas são vistas, por sua vez, como 'inimigos' da fé católica.
Não se trata, apenas, da necessidade de proteger um Papa, mas sim de proteger algo mais importante: a doutrina e religião, o catolicismo.
Mas este tema daria 'pano para mangas, como se costuma dizer.
Quanto ao teu vaticínio, espero que erres e que seja favorável ao meu clube. Mas isso é óbvio, vindo de mim.

De Pavas a 9 de Novembro de 2008 às 22:54
Ó homem tu realmente és tramado, pá... contigo temos de dizer as letrinhas todas ou então estamos quilhados. "Mais vale ter e não precisar do que precisar e não ter" quer dizer tudo o que disseste só que de forma sucinta. E mais, o Papa é o Vaticano e o Vaticano é o Papa (ou será ao contrário?) pelo que proteger um é proteger o outro. E se virmos em função da Teologia cristâ a "ligação" entre o Papa e o Catolicismo é ainda maior dado ser o Papa a "escolha" infalível de Deus por intermédio dos Homens (cardeais).

P.S. Eu só estava a seguir um conselho que me deram aqui uma vez: be short.
De Dark a 10 de Novembro de 2008 às 00:21
Não! Mais uma vez vou discordar de ti. O Vaticano não é o Papa! O Vaticano é a Cúria Romana! O Papa funciona, a meu ver, como uma espécie de 'relações públicas' ou um 'testa-de-ferro'... Ok, esta definição pode escandalizar, mas se a interpretares de forma transversal, não lendo o sentido literal dos termos, percebes o que quero dizer.
Ele não passa de um mero representante (visual e palpável) daquilo que é a instituição máxima da Igreja Católica. As decisões e toda a orgânica de funcionamento da cidade do Vaticano passa pelas mãos de outros elementos da Cúria, muitos deles com ligações (exteriores) ao mundo da política e ao mundo da alta Finança, à escala mundial.
Para comprovares o que te estou a dizer, basta recordares antigos 'conflitos' que surgiam na ala mais conservadora, a respeito de determinadas decisões mais 'modernas' e mais liberais por parte do Sumo Pontífice. Muitas delas nunca deram frutos, precisamente, porque a 'oposição' interna é extremamente forte.
Mas mais uma vez, esta questão dava para nos alongarmos ainda mais.

E tramado é favor! Digamos que, além do gozo que me dá 'dissecar' os teus argumentos, terias de estar mais atento, para não deixar 'brechas'.
Mas é difícil de acompanhar?

De Pavas a 11 de Novembro de 2008 às 14:34
PRELÚDIO
Com que então dá-te gozo "dissecar" os meus argumentos e encontrar "brechas" no meu discurso, não é? Eu praquí a levar a coisa "na boa", de forma "light" e o menino a "malhar" "forte e feio" no moi même. Está bem, depois não digas que fui eu que comecei. Se queres "guerra", vais tê-la. Aqui vai.

INTRODUÇÃO
Este post é apenas para replicar acerca do "subject" da Guarda Suíça e da sua função no Vaticano. Os outros assuntos serão respondidos depois, a saber; a história das "escutas" e de quem anda a tramar quem (não me esqueci, não tenho é tido tempo).

A GUARDA SUÍÇA E O VATICANO
Para recentrar o assunto vou apenas lembrar que toda esta "troca de argumentos" começou quando o Dark referiu que a Guarda Suíça do Vaticano não deveria ser tomada como fazendo parte de um "exército suíço", porque o assim não é, de facto, e eu concordei.
As nossas divergências (as dele aliás, porque ele é que me tem estado a dar na cabeça até me "espicaçar" ao ponto em que decidi responder "à la lettre" - mai nada) começaram quando ele disse, e passo a citar: "Estás certo em tudo o que dizes, com excepção do pormenor em que afirmas que "mais vale ter e não precisar do que precisar e não ter"... Nada disso!" - Este lapidar e categórico "Nada disso", enfatizando a sua razão contra a minha "não razão" é que me lixou (penso que o Dark anda a deixar cair estas "afirmações categóricas" de propósito de forma a espicaçar-me).

A Guarda Suíça do Vaticano é uma guarda de escol, considerada pela legislação suiça como uma força mercenária (a única aceite pela Suíça) ao serviço do PAPA e não do Vaticano ou da Cúria Romana. A instituição da Guarda Suiça tem mais de 500 anos tendo sido formada em 1506, após o Papa Júlio II ter pedido a alguns nobres suiços se lhe poderiam facultar protecção pessoal. Note-se que no século XVI o Vaticano não existia, apesar da residência oficial do Papa já ser onde hoje se encontra o Vaticano, pois o estado do Vaticano só foi oficialmente formado em 1929, durante o papado de Pio XI, após a assinatura do Tratado de Latrão. Do ponto de vista de Mussolini este tratado visava ganhar o apoio da Igreja Católica Apostólica Romana e dos católicos para a causa Fascista. Do ponto de vista da Igreja Católica Apostólica este tratado visava "restaurar" algum do poder e do "esplendor" da fé cristâ perdida aquando da unificação da Itália e do desaparecimentos dos Estados Pontifícios que se situavam no centro da península da bota.

Durante os seus 500 anos de existência a função da Guarda Suíça do Vaticano não mudou um milímetro, tendo apenas mudado a origem dos seus elementos, que no século XVI começaram por ser cavaleiros da nobreza suiça e que actualmente são cidadãos suiços, robustos e com um histórico criminal irrepreensível, com idades entre os 20 e os 30 anos e que tenham cumprido o serviço militar no "tal" exército suiço, mais de 2 anos com uma folha de serviço irrepreensível. Como dizem os franceses, a "créme de la créme" da juventude suiça.

Todos os elementos da Guarda Suíça têm de fazer um juramento ao PAPA, sendo considerados a sua guarda pessoal ou seja, os seus Mirmidões. Como guarda de escol pessoal que são é obrigação dos Guardas Suíços a protecção de todos os habitantes do Vaticano (menos de 1000) mas apenas na medida em que essa protecção não interfira na missão maior dos Guardas que é a defesa pessoal do Papa, tal como aconteceu em diversas ocasiões em que tropas invasoras ocuparam Roma e em que os Guardas Suíços apenas se preocuparam com a integridade do Papa.

O Vaticano é um estado independente governado EXCLUSIVAMENTE (autoritariamente se quiserem) pelo Bispo de Roma, que delega competências administrativas e de gestão corrente em diversos elementos da Cúria Roman, nomeadamente em Cardeais mais velhos ou da sua confiança pessoal, mas que, de acordo com a Constituição Apostólica que rege o estado, não podem tomar nemhuma decisão importante sem o consentimento do Papa nem podem publicar nenhum decreto ou Bula sem a sua assinatura. Resumindo, o estado do Vaticano é um estado governado como os estados mais avançados da Europa do século XVIII, ou seja, é um estado governado por um "Déspota Esclarecido" - espero que este termo não choque ninguém.

continua.
De Pavas a 11 de Novembro de 2008 às 14:59
continuação

Assim e apesar de ao longo dos tempos terem existido pontífices mais "fracos" ou susceptíveis de serem "influenciados", a Constituição Apostólica reserva todo o poder legislativo ou "estratégico", se quiserem, ao Papa, sendo ele que decide tudo e por quem têm de passar todas as questões importantes (do céu e da Terra, literalmente). Não é portanto correcto dizer-se que o Papa é o 'relações públicas' ou um 'testa-de-ferro' do Vaticano e que quem "manda" a sério são outros elementos mais "obscuros" da Cúria Romana. Apesar desta interpretação poder ser exacta em diversas ocasiões, com Papas mais "fracos" ou em fim de vida (creio que o Dark se estava a referir aos últimos anos de pontificado do anterior Papa quando se referiu aos antigos "'conflitos' que surgiam na ala mais conservadora, a respeito de determinadas decisões mais 'modernas' e mais liberais por parte do Sumo Pontífice.".

Claro que se poderá sempre conjecturar se não existirão alguns elementos da Cúria que tentarão levar o Papa a decidir nesta ou naquela direcção, influenciados pelas suas ligações a "outros" interesses que não exclusivamente os da fé. Claro que sim. Mas a "norma" não é essa e esses senhores estarão a agir contra o espírito da Constituição Apostólica quando o fazem, pelo que não podem ser tomados como regra ou exemplo da forma como o Vaticano é gerido ou "governado".

Falta ainda a questão mais "querida" e importante para os católicos que seguem a Igreja Católica Apostólica Romana; a questão da infalibilidade do Papa que advém directamente do facto do Bispo de Roma ser escolhido por Deus por intermédio da "iluminação" do acto decisório dos Cardeais. Esta questão é muito importante porque é por intermédio dela que, teologicamente, se justifica o facto do Santo Pontífice ser o "representante de Deus na Terra" e dele (o Papa) ser o sucessor hierárquico e directo de Pedro, "concentrando" nele todos os predicados da fé e dos mistérios, tornando-o o representante máximo de Deus neste Mundo e a Pedra basilar da sua Igreja, ou seja, o Papa é indubitavelmente mais importante para a fé católica e para a igreja do que a Cúria Romana, pois é (e isto teologicamente, claro) o "escolhido" para ocupar o trono de Pedro. O Papa não é a fé, apenas a representa, mas o Papa é a pedra basilar da Igreja de Pedro e a razão da existência do Vaticano e, já agora, dos Guardas Suíços.

Tenho "dizido"
De Dark a 12 de Novembro de 2008 às 00:14
Uff!
Mas li até ao fim!
Ok...então, vamos lá!
Primeiro, pensei que já tinhas percebido que o meu interesse em falar de certos assuntos, que nada têm a ver com futebol, se prendia, apenas, com o facto de gostar de esgrimir argumentos. Gosto de desafios e uma boa argumentação é um bom desafio. Mais. Gosto de 'dissecar' o que dizes, pelo prazer em desmontar as tuas 'teses'. O gozo está aí!
Até ao momento, digo-te que tem sido muito interessante! Embora, ainda continue a aguardar por algumas réplicas da tua parte (nomeadamente, a questão das escutas, mas que já confirmaste que irás voltar ao assunto).
Segundo, vou tentar resumir um pouco aquilo que dizes, centrando-me, apenas, nos pontos que entendo serem mais questionáveis ou com os quais não concordo.
Sendo assim, num primeiro ponto, dizes que a Guarda Suíça é "uma guarda de escol, considerada pela legislação suíça como uma força mercenária". Apenas, não concordo com a expressão 'mercenária'. Não sei se são palavras tuas, mas a expressão está incorrecta, a meu ver. Embora entenda, em parte, o sentido que queres dar, ela contradiz tudo o que dizes em seguida. Ou seja, a serem 'mercenários', poderiam 'servir' qualquer 'amo', desde que os seus interesses e ganhos se sobrepusessem à primeira 'causa' ou 'amo'.
Depois, admito que as expressões que utilizei ('relações públicas' e 'testa-de-ferro') possam ser discutíveis, mas na altura não encontrei outras que melhor expressassem a ideia que queria transmitir. Mas continuo a reiterar o meu ponto de vista. Na minha opinião, o Papa tem um papel passivo, contrariamente aos outros membros da Cúria Romana. Independentemente de todos 'atributos' que lhe reconheces (e que eu aceito), isso não invalida o meu argumento. Mais. Não me estava a referir, apenas, a casos pontuais, em relação a alguns papas que tiveram um papel menos activo (mais 'fracos', como dizes) em decisões que diziam respeito à Igreja.
Como deves saber, dentro da Cúria existem várias Congregações e cada uma delas é 'chefiada', em geral, por membros influentes e próximos do Papa, sendo eles cardeais.
Cada uma dessas Congregações, na prática, e para simplificar, funciona como uma espécie de 'ministério', tendo eles (os membros que a dirigem) a seu cargo todos os assuntos que digam respeito à sua área de intervenção e de actuação.
Sendo assim, tens de convir que, por muito esclarecido e por muito diligente que seja, o Papa não tem nem pode ter o conhecimento (profundo) que estes membros têm de determinados assuntos e questões. Cabe-lhes a eles, sim, informar, periodicamente, o Papa sobre novos desenvolvimentos e sobre a verdade deste ou daquele assunto.
Concordas até aqui?
Depois não se trata de conjecturar, mas sim de falar de algo que é uma verdade: apesar de ser a figura máxima da Igreja (quase um símbolo, por aquilo que representa na Terra), ele, sozinho, não pode tomar determinadas decisões, sem a consulta prévia de determinados elementos e figuras da Igreja. Mais do que prudência, é uma questão de obrigatoriedade, dentro dos princípios exigidos pela Cúria.
Uma pequena nota: sabias que o Papa anterior, por altura, do Conclave, não tinha reunido a simpatia da maioria dos cardeais? Além de ser mais jovem do que os restantes (e a questão da idade era colocada a par da capacidade que teria ou não de conseguir enfrentar as responsabilidades do lugar que ia ocupar), a sua origem também era vista como um obstáculo.
Mas curiosamente e, numa 'jogada' de 'marketing', foi mesmo ele que foi escolhido, sabendo-se, mais tarde, que tal decisão teve em conta o facto de considerarem que as suas características (em termos de personalidade e carácter) e a sua origem (o facto de ser polaco) previam que conseguisse, no futuro, adoptar uma postura e um discurso mais conciliador entre todas as religiões. Era necessário que tal acontecesse, por forma a criar algum equilíbrio e a 'arrumar' de vez com algumas questões que eram incómodas para a Igreja (nomeadamente, a questão da Inquisição).
Ou seja, como vês a escolha não foi feita ao acaso e foi decidida de forma estratégica!
Mais. Num outro comentário, fiz uma referência à 'Opus Dei'. Como sabes, esta 'ala' existe dentro a igreja e, sendo reconhecida a sua legitimidade e autoridade, ela reúne em si aquilo que se considera

De Dark a 12 de Novembro de 2008 às 00:27
ser o lado mais conservador (e mais intransigente). A explicação não fica por aqui, mas é um tema complexo...
Ou seja, mesmo dentro da própria Igreja encontras facções mais ou menos conservadoras, ou mais ou menos liberais e, como é óbvio, existem conflitos entre um lado e outro.
Ao Papa compete-lhe o papel de conseguir harmonizar estas 'forças' a nível interno, sendo que deverá, sempre que possível, revelar alguma imparcialidade, por forma a não criar cisões dentro da própria Instituição.
Em relação a este ponto, penso que fui claro e que ficaste a perceber a minha explicação.
Quanto aos elementos da Guarda Suíça, voltando, no fundo, ao início, percebo que digas que a sua função ou missão é a de proteger, a todo o custo, a integridade (física) do Papa, pois ele é a figura máxima da Igreja.
Acontece que o seu papel (dos guardas) não se resume, apenas, a isso. Se assim fosse, bastava que existisse um contingente limitado e exclusivo ao seu 'serviço'. Mas como sabes não é bem assim. Além do Papa, a sua actuação abrange os domínios do Vaticano, de forma geral. Muitos deles até nem usam a veste que conhecemos e andam à civil.
O seu papel é bem mais vasto do que parece.
Mais. Alguns ex-guardas, mais tarde, passam a integrar os ditos 'serviços secretos' do próprio Vaticano, exercendo funções ainda a nível de segurança e protecção.

De Pavas a 12 de Novembro de 2008 às 02:11
Lido e registado.

Amanhã respondo porque já se vai fazendo tarde e agora tenho de ir dar um safanão a um dos meus gatos que deve estar a fazer merda na cozinha.

P.S. Algumas das coisas que dizes não sabia. Interessante.
De Dark a 12 de Novembro de 2008 às 14:49
Ok!
E não imaginava que fosses mais adepto de 'tarecos'... Ok! Eu sou mais adepto de 'bobys'!

P.S. O comentário anterior foi, apenas, para espicaçar... uma vez que andas a dizer que sou 'pezinhos de lã'!
De Anónimo a 9 de Novembro de 2008 às 20:12
Comentário apagado.
De P/PAVAS E DARK a 11 de Novembro de 2008 às 00:40


PAVAS, MEU AMIGO BENFIQUISTA.
EU SOU CATÓLICA, MAS MUITO DESILUDIDA COM A IGREJA, OU ANTES, OS HOMENS QUE COMANDAM A IGREJA.

DESCULPE, MAS TENHO QUE DAR RAZÃO AO DARK. SOU INTEIRAMENTE DA OPINIÃO DELE.

SE ELES NÃO TIVESSEM PESO DE CONSCIÊNCIA, NÃO TINHAM TANTO MEDO, PORQUE ESTA HISTÓRIA DOS ATENTADOS, É RELATIVAMENTE RECENTE. RECENTE DE ANOS, CLARO. NO MEU TEMPO, AINDA NÃO HAVIA DISTO.
ESTAS HISTÓRIAS QUE NÓS OUVIMOS TODOS OS DIAS DOS ISLAMITAS, DOS ALÁS,ORTODOXOS, ETC. ETC. ETC. SEMPRE EXISTIU. AS PESSOAS MATAM EM NOME DE DEUS. ORA NÓS NÃO SOMOS ALHEIOS A ESTAS CAUSAS. SERÁ MAIS FALADO AGORA, PORQUE O MUNDO ESTÁ A MUDAR.
REPARE..QUEM ERA O MAIOR AMIGO DE SALAZAR ??
...POIS...ERA O CARDEAL ..CEREJEIRA...ATÉ SE DIZIA QUE.......
BOM, FICO POR AQUI. VOCÊS ENTENDEM.

TCHAU
CUMPRIMENTOS
ME
De Dark a 11 de Novembro de 2008 às 13:43
Está a chegar ao ponto que pretendia...
Mais. Não acredito muito que seja uma questão de peso na consciência, mas sim de necessidade de proteger algo que consideram de extrema importância, para o futuro da Igreja.
Se pensar um pouco, sabe que o Vaticano tem ao seu dispor um dos serviços de informação e 'espionagem' mais eficazes e poderosos do mundo (ao nível da CIA, do SIS, da Mossad ou da antiga KGB, agora designada de FSB.
Sendo assim, as ameaças terroristas, por exemplo, não deveriam constituir grande perigo (porque conseguiriam interceptar a tempo as informações dos ataques).
O que se passa é que, muitos dos operacionais que integram determinadas organizações deixaram de ser fiéis às mesmas. A contra-espionagem e a ideia de agentes duplos não é uma realidade ficcional, apenas vista nos filmes. Ela existe mesmo.
Dou-lhe um exemplo muito simples: lembra-se do agente russo que foi envenenado há relativamente pouco tempo, em Inglaterra, por ter sido considerado um dissidente pelo governo russo? Adivinhe a razão da sua morte...
Há 'coisas' que têm de permanecer como um segredo para o resto da vida e quem ousar revelar, paga um preço muito alto.
No Vaticano, por muito que não acreditem e por muito que isso choque alguns, existe esta realidade também.
E, para que não restem dúvidas, quanto ao meu posicionamento, eu também sou católico, embora não praticante, por razões que penso que são óbvias.

P.S. Outro exemplo: porque razão acham que o Vaticano, dias depois de conhecer pormenores sobre o caso 'Maddie', retirou o seu apoio ao casal, na mensagem que constava do site oficial?!

De Dark a 11 de Novembro de 2008 às 13:49
Vou deixar mais uma provocação: quem quiser e tiver interesse, procure na net informação e relatos de antigos membros da 'Opus Dei'...
Procurem saber como esta 'organização' actua, como 'angaria' novos elementos, em especial, nas universidades, e quais as regras que impõe aos mesmos.
A reportagem que foi transmitida, em tempos, num canal de tv, no nosso país, é, apenas, um 'floreado' daquilo que é a verdadeira 'verdade' sobre a 'Opus Dei'.
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:13
Nem mais!!!!

Saudações!!
De Anónimo 1970 a 7 de Novembro de 2008 às 18:15
100% de acordo contigo, basta de parasitas e chulecos.

Cumprimentos

Bom-fim-de-semana.
De Anónimo 1970 a 7 de Novembro de 2008 às 18:17
O comentário é para o Luandense, mas já agora também para o Dark.
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:19
De Anónimo a 7 de Novembro de 2008 às 23:43
De CALABOTE a 7 de Novembro de 2008 às 10:26
Para provar o meu espirito de solidariedade para com os confrades adeptos azeiteiros do slmerda,
queria enviar-lhes estas 2 flores e recordar-lhes de que a vida é bela...

agora, se me permitem, vou-me retirar pois hoje é sexta-feira e tá na hora do banho turco...


CALABOTE (VAI TUDO...).
De MOCA a 7 de Novembro de 2008 às 16:19
Ó CALABOTE, FAZ-ME UM FAVOR - JÁ QUE VAIS PARA O BANHO TURCO, LEVA ESSA LEONOR CANHÃO E PÕE A GAJA A FAZER-TE UM BOCHECHO...


...A GAJA ESTÁ A PRECISAR DE "ZOIDE" PARA A DOR DE CORNO !
De Exmº Sr Calabote a 7 de Novembro de 2008 às 16:38
Sr Calabote

LEIXÕES 3 FCPORTO.....QUANTOS?

AH, É VERDADE, PERDERAM E DESCERAM NA TABELA CLASSIFICATIVA, NÃO FOI?

ESTA CABEÇA....TURQUESA
De Dragão Azul a 6 de Novembro de 2008 às 21:56
Então a passarada desapareceu aqui do blog? Perderam as penas? Ah, já sei, voam mas muito rasteirinho!
Contra uma equipa turca, desfalcada de oito unidades fundamentais, levarem no Estádio da Luz duas brocas é uma vergonha.
O peixe morre pela boca, e estes benfiquistas (bufos/queixinhas), até mereceram este desaire, para serem mais comedidos, nos comentários (que destilam ódio) que fazem contra o FC Porto.

Saudações aos portistas.
De Dark a 6 de Novembro de 2008 às 21:59
'até'...é favor! Para alguns, deveria ser sempre!
Mas tenho ideia de que nem assim baixam a crista...

Saudações portistas!
De Anónimo a 6 de Novembro de 2008 às 22:09
Recebi um SMS, a dizer que estão a dar o cu, no Parque Eduardo VII, em protesto por terem perdido e serem descriminados pelo MEO!
De Dark a 6 de Novembro de 2008 às 23:17
Agora a culpa é do MEO?!
De MOCA a 7 de Novembro de 2008 às 16:22
POR MEO CULPA, POR MEO TÃO GRANDE CULPA, PEÇO AO RICARDO COSTA SE PODE DAR UM CASTIGO AOS TURCOS...
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:21
De P/DARK a 6 de Novembro de 2008 às 23:55
DARK

BAIXAR A CRISTA? PORQUÊ?
JÁ SE ESQUECERAM DO JOGO COM O LEIXÕES?
TEM MEMÓRIA CURTA.
DAS 3 DERROTAS SEGUIDAS? HHHUUMM
MEU ESCRIBA DE BLOG....NÃO SE ILUDA...
O HOMEM VAI EMBORA ANTES DO NATAL....VAI VER !!

CUMPRIMENTOS

Maria Elizabeth
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:24
Elizabeth...não misture tudo num só comentário!
Primeiro, espero que tenha razão e que ele não chegue até ao Natal!
Segundo, a memória não é curta. E, por isso mesmo, é que custa ver o que se tem passado com a equipa...
De Sr Dragão Azul a 6 de Novembro de 2008 às 23:46


E papar 3 do Leixões no Dragão, é o quê? Felicidade, Alegria?
Levámos duas brocas, e vocês? 3, leu bem...3 derrotas seguidinhas, e uma no Dragão, dada pelo..
...........LEIXÕES.................

Goze até Domingo, que há mais......Leixôes, para além do GALATASARAY!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

Cmprimentos
Saudações Benfiquistas......

Maria Elizabeth
De Dragão Azul a 7 de Novembro de 2008 às 00:09
Mª Elizabeth, não se esqueça que o Leixões SC é líder destacado do campeonato português (16 pontos em 7 jogos), ao passo que o Galatasaray AS é 5º com 17 pontos em 9 jogos, e o campeonato português é muito superior ao turco!

Muito importante, os turcos apresentaram-se na Luz, desfalcados de 8 unidades fundamentais.

Olhe, deixe que lhe diga, o MEO está a dar galo!

Saudações Portistas.
De P/DRAGÃO AZUL a 7 de Novembro de 2008 às 00:37
OLÁ.
DE FACTO ESTÁ A DAR GALO, MAS É ENTRE A CONCORRÊNCIA. MAS EU JÁ EXPLIQUEI O QUE SE PASSA. EM TERMOS FUTUROS O QUE IRÁ PASSAR-SE. VAI HAVER ALTERAÇÕES E DEPOIS AS PESSOAS ESCOLHEM. MAS O MEO TEM UMA CENA QUE EU NÃO SEI SE A ZON TEM...NÓS PODEMOS GRAVAR, CARREGANDO NUM SIMPLES BOTÃO DO COMANDO, DIZIA EU, PODEMOS GRAVAR ATÉ 120, SALVO ERRO SÃO 120 HORAS DE PROGRAMAÇÃO.
EU TINHA TV CABO, E MUDEI EM FEVEREIRO PARA O MEO, E NEM SEQUER SABIA QUE IA TER O CANAL BENFICA. SIMPLESMENTE, ACHEI E É A MELHOR OPERADORA. NET + TELEFONE+ TV, NO FIM DAS CONTAS, SAI-ME MAIS BARATO DO QUE QUANDO TINHA A TV CABO. TEM UM CANAL, QUE CHASSE E PÉSCE, OU SEJA CAÇA E PESCA, PARA O MEU SCP VER, E SÓ PAGA 95 CÊNTIMOS POR MÊS, PARA TER ESSE CANAL DESCODIFICADO. ELE ADORA CAÇA E PESCA.

CADA UM FAZ AS OPÇÕES QUE LHE CONVÉM. EU DESISTI DO CABO E FUI PARA A ## MEO ##.
ESTOU MUITO SATISFEITA, PORQUE TEM CLUBE DE VÍDEO, CANAIS DE MÚSICA, MAS BOA, TEM UMA OFERTA TÃO DIVERSIFICADA, QUE ME AGRADA BASTANTE, A MIM, E ÀS PESSOAS QUE EU CONHEÇO QUE TÊM .....MEO.

CUMPRIMENTOS

ESTA PORCARIA ESTEVE TODA AVARIADA, ISTO O S BLOS DO DESPORTO

ATÉ AMANHÃ

Maria Elizabeth
De Dragão Azul a 7 de Novembro de 2008 às 11:01
Mª Elizabeth, só lhe digo isto, a mim, o MEO não me leva o MEU.

Saudações Portistas.
De P/DRAGÃO AZUL a 7 de Novembro de 2008 às 16:46
D. AZUL
POIS É CERTO QUE CADA UM TEM AQUILO QUE PODE E QUER, TALVEZ AO CONTRÁRIO, QUE QUER E PODE.
EU MUDEI, E JÁ ESCLARECI PORQUÊ.
UM DOS MOTIVOS, FOI PODER GRAVAR O QUE QUERO. EU ESTOU A VER A NOVELA DA SIC...A FAVORITA... E NO ENTANTO, NÃO A TENHO VISTO. TENHO OS EPISÓDIOS GRAVADOS DESDE 2ª FEIRA E SÓ VEJO AMANHÃ.
QUANDO O FCP TIVER O SEU PRÓPRIO CANAL, QUERO VER SE VOCÊS VÃO ADERIR OU....NÃO.
EU ADERI À MEO, E NEM SEQUER SABIA AINDA, QUE ERA QUEM IA TER OS DIREITOS DO CANAL BENFICA, OU DO BENFICA CANAL.

ASSIM....SEMPRE TEMOS POR ONDE ESCOLJER, CONFRONTAR OS PREÇOS, E AS CONDIÇÕES.

CUMPRIMENTOS

ME
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:25
Excelente!!!
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:26
O comentário anterior era para o 'dragão azul'!
De P/DARK a 7 de Novembro de 2008 às 23:30
OK, O COMENTÁRIO ERA PARA O DRAGÃO AZUL.
MAS O MEO INSTINTO DIZ-ME QUE VOCÊS SÃO CONTRA O MEO, E EU SEI PORQUÊ.

MAS OS BENFIQUISTAS, TAMBÉM SABEM QUE PARA VER O BENFICA, OU VÃO AO ESTÁDIO, OU ""PAGAM SPORTTV "", E AJUDAM OS OLIVEIRINHAS. ASSIM, AJUDO QUEM EU QUERO....E MAI NADA !!!!

APRENDI A ENVIAR OS "BONECOS", AGORA NÃO FAÇO OUTRA COISA...VAI TUDO ENFEITADO, AH AH !

CUMPRIMENTOS

Maria Elizabeth
De Anónimo a 7 de Novembro de 2008 às 23:38
Já não bate a bota com a perdigota, deve ser do adiantado da hora!
A idade não perdoa, minha amiga é da PDI.
De P/ANÓNIMO a 8 de Novembro de 2008 às 18:59


É DA PDI.....TEM RAZÃO. E DOS CAFÉS TAMBÉM

CUMPRIMENTOS ANÓNIMO

ME
De Dark a 9 de Novembro de 2008 às 00:07
Não me diga que ficou chateada por ter interferido no vosso diálogo?!
Apenas, achei genial a resposta do Dragão, nada mais!
De P/DARK a 9 de Novembro de 2008 às 16:39
DARK
É CLARO QUE NÃO FIQUEI CHATEADA. EU SOU MUITO NERVOSA, HIPERTENSA, E AINDA POR CIMA DA IDADE...BEBO MUITOS CAFÉS. EU RESPONDI APENAS A MINHA OPINIÃO. É VERDADE QUE É DA... PDI..... MAS TAMBÉM DOS CAFÉS QUE BEBO. É QUE AINDA POR CIMA TENHO MÁQUINA EM CASA. EU NÃO SOU MUITO DE ANDAR NA RUA, MAS TENHO A MÁQUINA EM CASA. FOI, É E SERÁ O MEU VÍCIO. DANTES BEBIA 5, AGORA ESTOU A BEBER 3. PARA A MINHA IDADE.....

PODE INTERFERIR QUNDO QUISER. ENQUANTO DARK, ENTENDA-SE......
MAS HÁ OUTROS .....NICKITOS....QUE EU VOU
APANHANDO AH AH AH AH AH AH AH

......AI LOGO !!!

NÃO SOFRA MUITO...ELES É QUE GANHAM A MASSA, MAS ISSO ESTÁ-NOS NA MASSA DO SANGUE, NÃO É?


EU SEI BEM O QUE É ISSO....

ME
De Dark a 9 de Novembro de 2008 às 20:23
Essa dos 'nickitos'...
De Anónimo 1970 a 7 de Novembro de 2008 às 18:38
Mas que grande resposta, é de partir o coco a
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 13:26
Tenho cá para mim que ainda vou ouvir (ou ler) algum portista a dizer que o resultado do jogo entre o FCP e o Leixões foi normalíssimo porque o Leixões está em primeiro lugar do campeonato à não sei quanta jornada. Claro que isso também quer dizer que o Leixões é melhor que o FCP mas isso não interessa dizer...

Essa de que é mais humilhante perder em casa contra o Galatasaray AS do que contra o Leixões em casa é de bradar aos céus...com o sem titulares ou outra coisa qualquer.

Vamos ver em que lugar vai acabar o Leixões o campeonato e em que lugar vai acabar o Galatasaray AS, depois falamos...

P.S. Ainda gostava que me dissessem o nome dessas "8 unidades fundamentais". Alguém sabe?
De CALABOTE a 7 de Novembro de 2008 às 13:49
COMPLETAMENTE DE ACORDO !
MAIS VALE UMA DERROTA CONTRA O GALATASSARAY DO QUE UMA DERROTA CONTRA O LEIXÕES.

ENCHERDEFUDER !

CALABOTE (VAI TUDO ABAIXÔ)



P.S. - É ILARIANTE O FACTO DE UMA PESSOA SE DAR AO TRABALHO DE ESCREVER ALGO PARA JUSTIFICAR E FAZER VER "DE FORMA SUSTENTADA" QUE UMA DERROTA É MELHOR QUE OUTRA.
FAZ LEMBRAR OS PARTIDOS POLITICOS QUE, NA HORA DA DERROTA, ENCONTRAM SEMPRE ARGUMENTOS PARA A TRANSFORMAR EM VITÓRIA!
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 14:05
Se a ironia foi para mim só posso dizer que não leu bem o que escrevi. Eu não disse, em lugar nenhum, que mais vale uma derrota contra o Galatasaray AS do que contra o Leixões... Apenas disse que ainda alguém vai dizer o contrário, ou seja, que perder contra o Leixões é melhor (ou menos humilhante) do que perder contra o Galatasaray AS.

Se a ironia não foi para mim, este post é como se não existisse.
De Jack the Fucker a 7 de Novembro de 2008 às 14:24
Caro amigo Calabote deixe lá isso que o homem sofre de distúrbios mentais... ou será anais????
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 14:59
führen wird in den Arsch, du FAG der shit.
De P/PAVAS a 7 de Novembro de 2008 às 16:50
DEVEM SER... ANUAIS....AH AH AH AH AH

ME
De Darksobre a 7 de Novembro de 2008 às 18:29
Pavas...se fosse a ti, não arriscava esse discurso...
Daqui a uns tempos, 'reza' para eu não te lembrar a tua última 'máxima'!
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 18:31
O comentário anterior era meu. Por erro, o nick surge errado.
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 18:43
Qual "máxima"? Não utilizei máxima nenhuma, apenas constatei um facto... o de que andam praí alguns portistas que dizem que a derrota do SLB contra os turcos é pior do que a derrota do FCP contra o Leixões. Só disse isso... não defendi nenhuma posição ou disse o contrário, nada de nada. Nem sequer esbocei o mais pequeno comentário, apenas constatei um facto.
De Pavas a 7 de Novembro de 2008 às 18:45
Quem é esse tal de Darksobre?

Dark+sobre lembra o Star Wars. O DARKvader com o seu SOBRE de luz. TAU.

Eu sei, eu sei... foi irresistível
De Anónimo a 7 de Novembro de 2008 às 19:09
Vale mais ter graça, que ser engraçadinho!?
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 20:02
Nada de stress!
De Pavas a 8 de Novembro de 2008 às 01:57
Este é difícil de fazer rir.
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 20:00
Pavas...tenho de confessar que me ri com a tua associação. A tua imaginação não tem muitos limites, pois não?!

OBS. A origem do meu nick nada tem a ver com o Darth Vader, muito embora, tenha a ver com o 'dark side'.
E tens de fazer melhor...
De Dark a 7 de Novembro de 2008 às 19:54
Nã...
Pelo que sei de ti, havia algum sarcasmo nas tuas palavras, em jeito de provocação.
Tudo o que disseres agora, só servirá para dares a volta ao assunto.
Mas eu faria o mesmo, por isso, na boa!
De Pavas a 8 de Novembro de 2008 às 01:59
Como diría o outro... Suite your self.

Comentar post