Participe neste blog...

...enviando a sua mensagem para aqui.

 

 

Últimas...

...notícias sobre FC Porto

...referências em blogs sobre FC Porto

Links

Posts recentes

Estou enojado

O nosso FC Porto

A Luz que inspira - JOÃO,...

PORTISTAS ... ESTA É À NO...

Vamos ao penta

Brevemente...

lucho

...

Calma

LOLOL

Carrega Por...

LUCHO GONZALEZ

Quais os melhores reforço...

ÁLVARO PEREIRA É REFORÇO ...

DOBRADINHA À MODA DO PORT...

DOBRADINHA À MODA DO PORT...

Encontre o seu par, avent...

TRISTE REALIDADE

coisas ridiculas

Tripas à Jesualdo

BETTENCOURT ELOGIA MODELO...

taça de portugal

BENFICA FAZ SIMULACRO

...

TETRACAMPEÃO

TETRACAMPEÃO

Dragao do tetra

FC PORTO - DEFESA MENOS B...

O TETRA ALI AO DOBRAR DA ...

mensagem

porto

calabote

TENHO ORGULHO DE SER PORT...

CELEBRAÇÃO PASCAL

UM PORTO DE HONRA

MST - 07ABR09

Orgulho de ser Portista!!...

ESTRELA DA AMADORA-BENFIC...

JUSTA HOMENAGEM

Tags

adepto

adeptos

adriaanse

adriaansen

apito dourado

benfica

benfiquista

boavista

campeao

campeoes

co adrianse

comunicado

demissão

diego

ditadura

dn

dragao

dragões

dragoes

f.c. porto

fcp

fcp. portista

fcporto

futebol

golos

hugo

jacobus treinador fcp

jaime pacheco

jesualdo

jesulado

lisboa

manuel josé

mourinho

mouros

pc

pinto costa

postiga

presidente

professor

rui barros

sad

seriedade

slb

sokota

super

timoneiro

treinador

treinadores

vale azevedo

viseu

todas as tags

Arquivos

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Subscrever feeds

blogs SAPO
Quinta-feira, 26 de Junho de 2008

Artigo de Helder Pacheco

*Hélder Pacheco, Professor e escritor*

* *

No Grande Auditório do Soviete Supremo do Nacional-Centralismo, reuniu a
respectiva assembleia-geral para análise, discussão e propostas relativas
aos pontos únicos da agenda «Pode o Império Centralista continuar a
consentir que o F. C. Porto ganhe campeonatos? Pode o Império consentir que
uma equipa da província, sem representatividade nacional, mantenha a
supremacia sobre as glórias do centralismo?»

A tais questões, pronunciaram-se os seguintes representantes dos Organismos
Tutelares do Centralismo da Confraria dos Centralistas Devoristas, que
advertiu; da Confraria Centralista dos Gestores 7+ (acima dos 7 empregos),
que berrou; da Confraria Centralista dos Gestores 7/5 (entre 7 e 5
empregos), que uivou; da Confraria Intelectual Centralista, que bolsou; da
Confraria dos Assessores Centralistas, que gritou; da Confraria de
Legisladores Centralistas, que decretou; da Confraria dos Grandes
Incompetentes Centralistas, que dejectou; da Confraria dos Médios
Incompetentes Centralistas, que arengou; da Confraria dos Provincianos
Convertidos ao Centralismo, que grunhiu; da Confraria dos Centralistas
subvencionados pelo Estado, que cuspiu; da Confraria dos Centralistas
nomeados por proximidade do sistema, que ganiu; da Confraria dos
Centralistas infiltrados nos Meios de Comunicação, que ladrou; da Corporação
dos Centralistas Avençados, que exortou; da Corporação dos Centralistas
Disfarçados, que invectivou; da Confraria Centralista da vista grossa à
Insegurança no país, que programou; da Confraria dos Consultores
Centralistas, que bradou; da Corporação Centralista de Comentadores de TV,
que expeliu; da Corporação Centralista dos Acumuladores de Subsídios, que
ejaculou; da Corporação Centralista promotora do abastardamento da Língua
Portuguesa, que perdigotou; da Corporação Centralista do Cosmopolitismo
Importado, que mesurou; da Corporação do Proteccionismo Centralista, que
rezingou; da Corporação Centralista dos Exterminadores de Serviços
Regionais, que peidorreou; da Corporação dos Yes-Men and Job for the Boys
Centralization System, que arrotou; da Corporação dos reality-shows
Centralistas, que discorreu; da Corporação dos Esbanjadores Centralistas,
que vituperou; da Corporação Centralista dos Saudosos da Censura Prévia, que
baliu; da Corporação Centralista dos Grupos de Trabalho, que praguejou, e
todos em uníssono votaram: «Não podemos consentir!» e «É ultrajante!».

Face à unanimidade, a Assembleia aprovou as seguintes conclusões:

1.º - Uma cidade a que o centralismo retirou quase tudo: emprego
qualificado, sedes de empresas, serviços, investimento público, etc., não
pode manter um clube que ganha campeonatos consecutivamente;
2.º -A única coisa que o centralismo ainda não conseguiu extorquir ao Porto
são os campeonatos; 3.º - Como os clubes centralistas não ganham no campo, é
preciso fazê-los ganhar em jogos fora do campo.

Para isso, serão adoptadas medidas imediatas a) lançar uma OPA sobre o F.C.
Porto, transferindo-o para a capital; b) aumentar o IVA do F. C. P., em 80%
e os impostos em 90%, para o fazer ir à falência; c) depois do dourado,
lançar apitos prateados, verdes, laranjas, vermelhos e até PINK - cor
favorita dos centralistas - para descredibilizar o F. C. P.; d) formar um
consórcio editorial para publicar exclusivamente livros de autores de
nomeada - designadamente mortos ou moribundos - contra o F. C. P.; e)
classificando-o como local altamente perigoso para o centralismo, expropriar
o Estádio do Dragão por razões de Estado; f) fazer aumentar a taxa de
desemprego da Área Metropolitana do Porto para níveis que obriguem à
emigração dos adeptos do F. C. P. para trabalhar na Galiza; g) legislar no
sentido de impedir os menores de 90 anos de assistirem aos jogos do F. C.
P.; h) em caso de insucesso destas medidas, determinar que, no início dos
campeonatos, os clubes do centralismo partam com 20 pontos de avanço.Mal
esta notícia chegou à cidade, na Vitória, na Sé, em Campanhã, em Lordelo, no
Aleixo, no Cerco do Porto, no Monte Crasto, no Monte da Virgem, nas
Cachinas, em Rio Tinto, na Feira, em Avintes, Custóias, Valongo e por aí
fora, em toda a parte onde há dragões, milhares de bandeiras azuis se
agitaram. E, enquanto os mais velhos cantavam a Maria da Fonte «Pela santa
liberdade / Triunfar ou perecer», todos faziam o gesto do zé-povinho na
direcção do antigo Sul (agora mudado pelos centralistas para West Coast) e
os jovens portistas cantavam: «Esta vida de dragão / Só dá campeão!
Tra-lará-lará - lará, lará-lará.»



*Publicado no JN e na Dragões de Maio *
publicado por comunidade às 18:28
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Corrupção sempre! a 28 de Junho de 2008 às 14:47
Porra, este artigo tem tanta graça como um discurso do Cavaco. De qualquer forma, fui a correr comprar o JN porque aqui em casa acabou o papel higiénico
De Anónimo a 30 de Junho de 2008 às 18:26
És um gajo fino, sim senhor...
De MOCA a 30 de Junho de 2008 às 21:38
SE TE FALTOU PAPEL HIGIÉNICO, FAZ CONTORCIONISMO E LAMBE A MERDA DO CÚ !

Comentar post